Com votação recorde, juiz Fernando Bartoletti é eleito presidente da Apamagis

Rômulo Cardoso Segunda, 27 Novembro 2017

O juiz Fernando Figueiredo Bartoletti foi eleito presidente da Associação Paulista dos Magistrados (Apamagis) para o biênio 2018/2019. Representando a chapa "Unidos pela Magistratura", Bartoletti recebeu 1.518 votos. O candidato Thiago Elias Massad da chapa "Apamagis Avança" recebeu 545 votos.

juiz apamagis

Fernando Bartoletti comanda a Apamagis no biênio 2018/2019

Brancos e nulos totalizaram, respectivamente, 26 e 19 votos. Ao todo, 2.108 magistrados participaram do pleito, a maior participação da história da entidade. Também é a maior votação de um presidente em eleição com disputa de chapas.

Os magistrados Vanessa Ribeiro Mateus e Claudio Antonio Soares Levada foram eleitos para 1ª e 2º vice-presidentes. Todos os 12 conselheiros da chapa encabeçada por Bartoletti também foram eleitos (veja abaixo a relação). Com votação individualizada, é a primeira vez que isso ocorre. 

O novo presidente é membro do atual conselho da associação e vai substituir Oscild de Lima Junior à frente da entidade. Formado pela Faculdade de Direito da USP e titular da 15ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo, hoje é chefe do gabinete civil da Presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo.

"Reuniremos nossas experiências no associativismo para sermos o braço político da magistratura paulista. Estaremos em Brasília, ao lado da AMB, no Congresso Nacional e nas instâncias superiores do Judiciário, defendendo incondicionalmente os direitos e as prerrogativas dos Magistrados", declarou Bartoletti à ConJur. Em seu discurso, além do apoio dos colegas e familiares, ele também agradeceu o presidente do TJ-SP, Paulo Dimas Mascaretti.

Em campanhas nas redes sociais, Bartoletti prometeu reforçar a presença da Apamagis no cenário jurídico nacional, aprimorar a equipe de defesa que cuida das prerrogativas e promover reuniões virtuais para ampliar a participação dos associados, por exemplo. O presidente eleito já declarou que é preciso “combater com firmeza, ativismo e altivez todos os ataques que a magistratura enfrenta". 

Votação dividida
Cerca de 3.150 magistrados puderam participar da escolha. O processo começou no dia 1º de novembro e terminou neste sábado. Servidores do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo ficaram responsáveis pela apuração.

O cenário de disputa divergiu da última votação, em 2015, quando o juiz Jayme Martins de Oliveira Neto foi reeleito em chapa única. Ele deixou a cadeira neste ano, quando passou a comandar a Associação dos Magistrados Brasileiros. A vitória de Bartoletti representa a continuidade do grupo de Jayme de Oliveira à frente da Apamagis.

Veja a nova direção da Apamagis (2018-2019)

Chapa “Unidos pela Magistratura”
Presidente: Fernando Figueiredo Bartoletti
1° vice-presidente: Vanessa Ribeiro Mateus
2° vice-presidente: Claudio Antonio Soares Levada

Conselho consultivo, orientador e fiscal
Antônio Raphael Silva Salvador
Carlos Fonseca Monnerat
Érika Silveira de Moraes Brandão
José Rodrigues Arimatea
Luís Fernando Nishi
Maria de Fátima Gomes de Oliveira
Miguel Petroni Neto
Nilton Santos Oliveira
Pedro Cauby Pires de Araújo
Renzo Leonardi
Roque Antonio Mesquita de Oliveira
Maria Domitila Prado Manssur

Com Consultor Jurídico 

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo

Best World Bookamker williamhill.com reviewbbetting.co.uk