O Programa mais Recente:

  • Impacto da nova legislação trabalhista para os jovens é tema do Justiça Para Todos

    Impacto da nova legislação trabalhista para os jovens é tema do Justiça Para Todos

    Entrevistado:

    Ana Paula Leal

    Data do Programa:

    Quinta, 16 Novembro 2017

    Tema:

    Reforma Trabalhista

    O Justiça Para Todos recebeu, nesta quinta-feira (16), a advogada Ana Paula Leal, que falou sobre os impactos da Reforma Trabalhista para os jovens que estão ingressando no mercado de trabalho. Elencando algumas das principais mudanças previstas na nova legislação, que entrou em vigor no dia 11 de novembro, ela especificou quais são as alterações em pontos como remuneração, contrato de trabalho, férias, home office e negociação coletiva de questões trabalhistas.
    Falando sobre as consequências da nova lei para os jovens, a advogada destacou que a regulamentação do trabalho intermitente pode ser uma vantagem aos que optam por essa modalidade. “O contrato de trabalho intermitente pode ser benéfico para esse trabalhador, que antes ficava na informalidade. Essa possibilidade talvez traga mais segurança para os jovens que estão ingressando no mercado de trabalho”, aponta. Por fim, Ana Paula ainda avaliou os desafios, por parte dos operadores do Direito, na resolução de questões trabalhistas após as mudanças na legislação.
    Confira aqui a entrevista na íntegra.

Justiça Para Todos traz informações sobre a regulamentação de micro e pequenas empresas

Quinta, 09 Novembro 2017

Justiça Para Todos traz informações sobre a regulamentação de micro e pequenas empresas

Tema:

Micro e pequenas empresas

Entrevistado:

Rômulo Bronzel

Nesta quinta-feira (09), o Justiça Para Todos conversou com o advogado e professor Rômulo Bronzel, que falou sobre a legislação que regulamenta as micro e pequenas empresas. Esclarecendo primeiramente quais são as características básicas dessas organizações, ele explicou sobre a representatividade das micro e pequenas empresas no país. “Toda a economia está fundamentalmente relacionada com a base da micro e pequena empresa no Brasil. O faturamento versus o quanto ela emprega tem um índice muito grande, e merece toda a atenção legislativa e da sociedade”, ressalta.
Na oportunidade, o advogado também pontuou os objetivos e inovações trazidas pela Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, bem como sobre as alterações estabelecidas pela Lei Complementar nº 147 de 2014 em relação a esse tipo de organização. Ele comentou, ainda, sobre a importância de haver uma política de integridade nas micro e pequenas empresas, e trouxe algumas recomendações básicas para quem deseja começar um empreendimento dessa modalidade.
Confira aqui a entrevista na íntegra.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo

Best World Bookamker williamhill.com reviewbbetting.co.uk