O Programa mais Recente:

  • Procurador fala sobre combate ao trabalho escravo

    Procurador fala sobre combate ao trabalho escravo

    Entrevistado:

    Alberto Emiliano de Oliveira Neto

    Data do Programa:

    Quinta, 19 Abril 2018

    Tema:

    Trabalho Escravo

    O combate ao trabalho escravo foi o tema do Justiça para Todos da quinta-feira (19). O procurador do trabalho Alberto Emiliano de Oliveira Neto explicou aos ouvintes o que significa falarmos em trabalho escravo nos dias atuais. “Temos que compreender a escravidão moderna como violação dos direitos fundamentais”, afirmou e complementou: “Especificamente, podemos definir três hipóteses que caracterizam efetivamente o trabalho escravo: a jornada exaustiva, a condição degradante e a restrição da liberdade de ir e vir”. Na oportunidade, o procurador ainda traçou um panorama sobre a evolução histórica do combate ao trabalho escravo no Brasil e pontuou alguns avanços que ocorreram nos últimos anos. Confira aqui a entrevista na íntegra. 

Justiça Para Todos traz informações sobre a regulamentação de micro e pequenas empresas

Quinta, 09 Novembro 2017

Justiça Para Todos traz informações sobre a regulamentação de micro e pequenas empresas

Tema:

Micro e pequenas empresas

Entrevistado:

Rômulo Bronzel

Nesta quinta-feira (09), o Justiça Para Todos conversou com o advogado e professor Rômulo Bronzel, que falou sobre a legislação que regulamenta as micro e pequenas empresas. Esclarecendo primeiramente quais são as características básicas dessas organizações, ele explicou sobre a representatividade das micro e pequenas empresas no país. “Toda a economia está fundamentalmente relacionada com a base da micro e pequena empresa no Brasil. O faturamento versus o quanto ela emprega tem um índice muito grande, e merece toda a atenção legislativa e da sociedade”, ressalta.
Na oportunidade, o advogado também pontuou os objetivos e inovações trazidas pela Lei Geral das Micro e Pequenas Empresas, bem como sobre as alterações estabelecidas pela Lei Complementar nº 147 de 2014 em relação a esse tipo de organização. Ele comentou, ainda, sobre a importância de haver uma política de integridade nas micro e pequenas empresas, e trouxe algumas recomendações básicas para quem deseja começar um empreendimento dessa modalidade.
Confira aqui a entrevista na íntegra.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo