Juiz Carlos Mattioli recebe comenda Pinhão do Vale pelo destacável trabalho dedicado à comarca de União da Vitória

Rômulo Cardoso Quarta, 31 Maio 2017

Juiz Carlos Mattioli recebe comenda Pinhão do Vale pelo destacável trabalho dedicado à comarca de União da Vitória

A sociedade civil de União da Vitória e região prestou reconhecimento ao trabalho do juiz de Direito Carlos Mattioli, que recebeu durante ato, nesta terça-feira, dia 30, a comenda Pinhão do Vale, da Academia de Letras do Vale do Iguaçu (Alvi). A honraria tem como objetivo homenagear personalidades da região que se destacam ao desempenharem atividades de relevância nas áreas social e cultural.

 

Diretores da AMAPAR, como o presidente Frederico Mendes Junior e os magistrados Geraldo Dutra de Andrade Neto e Diego Teixieira, foram até União da Vitória para parabenizar o colega homenageado.

 

Ao fazer uso da palavra, Mattioli ressaltou que o reconhecimento obtido, com as ações dedicadas à comunidade, está na afirmação coletiva do trabalho, que serviu para trazer melhorias e transformações na vida das pessoas, além de demonstrar gratidão pela homenagem. “A gratidão é uma virtude, é um sentimento que precisa ser desenvolvido continuamente. Precisa se tornar um hábito diário. Muitas vezes não nos lembramos de agradecer e apenas reclamamos”.

 

O magistrado também agradeceu os proponentes da honraria, representantes da sociedade local pelo apoio aos projetos, à equipe de trabalho, magistrados, ex-prefeitos, membros do MP e, claro, aos familiares e amigos próximos. O homenageado também ressaltou o compromisso com as atribuições conferidas à magistratura. “A atividade judicial deve desenvolver-se de modo a garantir e fomentar a dignidade da pessoa humana, objetivando assegurar e promover a solidariedade e a justiça na relação entre as pessoas”, frisou.

 

12 anos de União da Vitória

 

O juiz Carlos Mattioli tem feito trabalho primoroso em União da Vitória, na vara de Infância e Juventude, ao atuar no combate à evasão escolar e nos demais programas voltados ao apoio familiar em diversas frentes. Nos 12 anos de judicatura na comarca - completados exatamente no dia da homenagem -, Mattioli e equipe atenderam mais de 4200 famílias, além da adoção, ao envolver 106 crianças e adolescentes, sendo 20 grupos de irmãos, que encontraram, por meio do trabalho do magistrado, um pai e uma mãe.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo

Best World Bookamker williamhill.com reviewbbetting.co.uk