O Programa mais Recente:

  • Atuação do Gaeco na Tríplice Fronteira é tema de edição do Justiça Para Todos

    Atuação do Gaeco na Tríplice Fronteira é tema de edição do Justiça Para Todos

    Entrevistado:

    Tiago Lisboa Mendonça

    Data do Programa:

    Quinta, 08 Fevereiro 2018

    Tema:

    Atuação do Gaeco

    O Justiça Para Todos conversou, nesta quinta-feira (08), com o promotor Tiago Lisboa Mendonça, coordenador da unidade de Foz do Iguaçu do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Na oportunidade, ele explicou aos ouvintes sobre as competências e a atuação do órgão: “O trabalho desenvolvido pelo Gaeco é atuar em um nicho muito específico que é a área de combate à criminalidade organizada”.
    Durante a conversa, o promotor também comentou sobre o panorama atual da criminalidade nas áreas de fronteira, mais especificamente em Foz do Iguaçu. “É uma teia muito grande de crimes que se relacionam com essa posição geográfica, e isso demanda uma atuação bem específica do Gaeco”, observa. Tiago avaliou, ainda, os desafios no trabalho desenvolvido pelo órgão nessa região.
    Confira aqui a entrevista na íntegra.

Justiça Restaurativa é tema de edição do Justiça Para Todos

Quinta, 01 Fevereiro 2018

Justiça Restaurativa é tema de edição do Justiça Para Todos

Tema:

Justiça Restaurativa

Entrevistado:

Jurema Carolina da Silveira Gomes

Nesta quinta-feira (01), o programa Justiça Para Todos conversou com a juíza Jurema Carolina da Silveira Gomes. Ela trouxe aos ouvintes mais informações sobre Justiça Restaurativa, mais especificamente sobre a Comissão de Justiça Restaurativa do Tribunal de Justiça do Paraná e, também, sobre o Projeto Circulando Relacionamentos, realizado na Comarca de Ponta Grossa.
Primeiramente, a juíza explicou o que é Justiça Restaurativa, destacando a importância dessa prática para o sistema judiciário. “A Justiça Restaurativa entende o conflito como um fenômeno social. Todo conflito, por mais doloroso que seja, é propulsor de mudanças, e talvez mudanças importantes na vida das pessoas”, comenta. A magistrada também falou sobre os objetivos e o trabalho desenvolvido pela Comissão de Justiça Restaurativa do TJPR, explicando, ainda, como funciona o Projeto Circulando Relacionamentos – iniciativa que visa à aplicação dessa técnica nos casos de violência doméstica.
Confira aqui a entrevista na íntegra.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo