O Programa mais Recente:

  • Direito Agrário é tema do Justiça para Todos

    Direito Agrário é tema do Justiça para Todos

    Entrevistado:

    Carlos Arauz Filho

    Data do Programa:

    Segunda, 23 Abril 2018

    Tema:

    Direito Agrário

    Na segunda-feira (23) o convidado do Justiça para Todos foi o advogado Carlos Arauz Filho, que é presidente da Comissão de Direito Agrário e do Agronegócio da OAB-PR. Na entrevista, Arauz explicou quais são as demandas mais comuns, no país e no estado, que são relacionadas ao Direito Agrário, além de pontuar as principais dificuldades e desafios atuais para os produtores rurais. “O agronegócio representa hoje, em 2018, algo em torno de 32% do PIB Nacional”, reflete o advogado, a respeito da representatividade do agronegócio no país, e complementa: “o aspecto local do agronegócio também é muito significativo, existem cidades que dependem quase fundamentalmente do agronegócio”. Acesse aqui a entrevista na íntegra. 

Justiça Para Todos explica sobre os procedimentos de escuta especializada e depoimento especial

Terça, 10 Abril 2018

Justiça Para Todos explica sobre os procedimentos de escuta especializada e depoimento especial

Tema:

Escuta especializada e depoimento especial

Entrevistado:

David Kerber de Aguiar

Nesta terça-feira (10), o Justiça Para Todos conversou com o promotor David Kerber de Aguiar, que explicou aos ouvintes como funcionam os procedimentos de escuta especializada e depoimento especial, recursos utilizados nas audiências com crianças e adolescentes vítimas ou testemunhas de crimes. Comentando sobre os tipos mais comuns de violência contra menores no país, o promotor trouxe mais informações sobre a Lei n° 13.431 de 2017, que instituiu esses procedimentos. “Eles [esses recursos] visam, basicamente, dar a essas vítimas e testemunhas menores de idade o direito ao esquecimento, para que o procedimento seja feito de forma célere, e evitar a revitimização”, afirma.
Na oportunidade, o promotor também explicou como é feita a apuração desses crimes e que tipo de acompanhamento é destinado às crianças e adolescentes após a realização da audiência. David comentou, ainda, sobre o processo de implementação da lei no país e no estado, e esclareceu como um cidadão pode denunciar um caso que envolva violência contra um menor. “Todos têm o dever de comunicar às autoridades os casos de violência ou qualquer outra situação de abuso contra a criança ou adolescente”, ressalta.
Confira aqui a entrevista na íntegra.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo