O Programa mais Recente:

  • Especial Combate à Violência Doméstica e Familiar – Justiça Para Todos aborda a aplicação da Justiça Restaurativa nesse tipo de violência

    Especial Combate à Violência Doméstica e Familiar – Justiça Para Todos aborda a aplicação da Justiça Restaurativa nesse tipo de violência

    Entrevistado:

    Laryssa Copack Muniz

    Data do Programa:

    Sexta, 24 Novembro 2017

    Tema:

    Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa

    No encerramento do especial sobre a Semana Nacional Justiça pela Paz em Casa, o programa Justiça Para Todos conversou, nesta sexta-feira (24), com a juíza Laryssa Copack Muniz, do Juizado de Violência Doméstica e Familiar de Ponta Grossa. Ela trouxe mais informações sobre Justiça Restaurativa e de que forma ela pode ser aplicada nesses casos. “É uma justiça que olha para o futuro, que permite, para as pessoas envolvidas num conflito, que elas possam participar da construção de um novo jeito de viver – muito embora tenha acontecido o rompimento –, e tenta restaurar aquele tecido social que foi maculado com um conflito, crime ou qualquer tipo de violência”, comenta.
    A magistrada também falou sobre os projetos atualmente desenvolvidos pelo Juizado de Ponta Grossa no combate à violência doméstica e familiar, avaliando a eficácia dessas iniciativas. “É um exemplo claro de que intervenções que façam a pessoa pensar e se responsabilizar podem, sim, surtir efeito e reduzir a violência de gênero”, pontua. A juíza explicou, ainda, qual a importância do trabalho com o agressor nesses tipos de violência.
    Confira aqui a entrevista na íntegra.

Justiça Para Todos esclarece dúvidas relacionadas ao extravio de bagagem nos aeroportos

Terça, 19 Setembro 2017

Justiça Para Todos esclarece dúvidas relacionadas ao extravio de bagagem nos aeroportos

Tema:

Extravio de bagagem

Entrevistado:

Eduardo Zwierzikowski

Nesta terça-feira (19), o Justiça Para Todos recebeu o advogado Eduardo Mendes Zwierzikowski, que esclareceu as dúvidas mais frequentes sobre o extravio de bagagens nos aeroportos, especificando os direitos dos consumidores nessas situações. Primeiramente, ele explicou do que trata a recente decisão do STF referente à proteção do passageiro: “O Supremo decidiu que as convenções internacionais – dentre elas, a mais importante a Convenção de Montreal – têm prevalência sobre o Código de Defesa do Consumidor”, afirma.
O advogado também esclareceu o que está disposto na Convenção e quais as consequências dessas mudanças nos casos de extravio. “É importante que a garantia do direito à indenização prevaleça em todos os países que aderiram à Convenção de Montreal. Para as companhias aéreas também há um ganho substancial, porque antes a indenização era ilimitada; hoje, com o valor tabelado, será mais vantajoso, porque terão uma previsibilidade maior”, comenta. Por fim, ele deu algumas recomendações básicas ao consumidor para prevenir esse tipo de problema.
Confira aqui a entrevista na íntegra.

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo

Best World Bookamker williamhill.com reviewbbetting.co.uk