O Programa mais Recente:

  • Conheça o trabalho realizado pelo Fórum Descentralizado do Boqueirão

    Conheça o trabalho realizado pelo Fórum Descentralizado do Boqueirão

    Entrevistado:

    Gianne Maria Moreschi

    Data do Programa:

    Segunda, 22 Outubro 2018

    Tema:

    Fórum Descentralizado do Boqueirão

    A juíza Gianne Maria Moreschi conversou com o Justiça para Todos, nesta segunda-feira (22), sobre o trabalho desenvolvido pelo Fórum Descentralizado do Boqueirão. No início da entrevista, a magistrada apontou as regiões atendidas pelo fórum e as demandas mais frequentes, além de esclarecer os motivos pelos quais o Poder Judiciário implementou unidades descentralizadas, como a do Boqueirão, em algumas regiões de Curitiba. “Uma das intenções, e talvez a mais importante, é justamente aproximar a justiça da população, inclusive as competências são aquelas mais procuradas: família, infância e juventude e juizados especiais”, afirmou. A convidada também falou sobre o incentivo à conciliação promovido pela equipe do Fórum, nas demandas que chegam até a unidade descentralizada. Confira aqui a entrevista na íntegra. 

Conheça o Núcleo de Pesquisa em Tomadas de Decisões da PUC-PR

Quarta, 01 Agosto 2018

Conheça o Núcleo de Pesquisa em Tomadas de Decisões da PUC-PR

Tema:

Núcleo de Pesquisa em Tomadas de Decisões da PUC-PR

Entrevistado:

Tiago Gagliano,Roberto Oresten,Charles Conrado Cordeiro, Fernando Takashima, Luiza Adena e Luiz Della Rovere

O trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Pesquisa em Tomadas de Decisões da PUC-PR foi o tema debatido no Justiça para Todos, desta quarta-feira (1). O juiz Tiago Gagliano, coordenador do núcleo, Roberto Oresten, coordenador adjunto de direito da PUC-PR e os alunos integrantes do grupo de pesquisa, Charles Conrado Cordeiro, Fernando Takashima, Luiza Adena e Luiz Della Rovere, foram convidados para falarem a repeito do assunto. Durante a entrevista eles esclareceram a finalidade e a importância do grupo de pesquisa para os alunos de direito. Os convidados, na oportunidade, também refletiram sobre os fatores que afetam as tomadas de decisões judicias e os alunos falaram sobre como é participar dos estudos. Com relação ao objetivo do núcleo, o juiz Tiago Gagliano ressaltou: “Nós tivemos a ideia de criar um grupo, inicialmente com alunos, para que nós pudéssemos pesquisar a ideia de como funciona o processo de tomada de decisão tanto nas Cortes de Justiça como também, no âmbito psicológico ou mais íntimo da pessoa”. Confira aqui a entrevista na íntegra. 

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo