AMAPAR mira a segurança da magistratura e faz tratativas para cursos com oficiais do BOPE

Rômulo Cardoso Terça, 17 Julho 2018

segurança bremer

Diretor da AMAPAR, José Orlando Bremer, ladeado pelo Tenente Coronel Hudson Teixeira e sub-comandante do BOPE, major Paulo Renato Aparecido Siloto.

 

Preocupação constante da AMAPAR, a segurança da magistratura paranaense demandou nova reunião de representante da entidade com oficiais. O magistrado José Orlando Bremer, diretor de segurança, esteve em visita ao comando do Batalhão de Operações Especiais de Curitiba – BOPE, com o objetivo de agendar um curso de segurança para magistrados e familiares.

 

“Adianto que os cursos são similares aos praticados no Rio de Janeiro, provavelmente no final de outubro”, conta Bremer. O BOPE concentra policiais altamente capacitados para atuar em situações específicas e no controle de distúrbios civis.

 

PRERROGATIVAS DA MAGISTRATURA

 

Cabe lembrar que também com o objetivo de melhorar as questões afetas à segurança da magistratura, a diretoria da entidade esteve no dia 4 de julho, na sede do comando da 5a região militar. Representaram a AMAPAR na oportunidade o presidente Geraldo Dutra de Andrade Neto, o 1o secretário da entidade, Márcio Tokars, e o diretor de segurança, José Orlando Bremer.

 

Como explicou Geraldo Dutra, a reunião com o comandante, General Aléssio Oliveira da Silva, além da aproximação institucional, foi importante para abreviar trâmites burocráticos, como na aquisição de armas e munições, além de garantir as prerrogativas da magistratura.

 

VEJA MAIS -  Diretoria da AMAPAR ressalta a necessidade de garantir segurança à magistratura durante reunião com o comando do exército

bemapbjudibamb403069308 jusprevlogo